• Clarissa Ferreira

Filme da semana: "Burma VJ"


Sempre fui daquelas que sofriam na videolocadora. Bastava eu pisar na loja para esquecer todos os títulos dos filmes que eu queria assistir. Talvez a pressão de sair de casa, ir até lá e escolher um único DVD entre tantos outros fosse demais pra mim. Ou talvez eu apenas tivesse péssima memória mesmo. Só sei que, invariavelmente, eu voltava pra casa com algum blockbuster que na maioria das vezes não merecia 90 minutos da minha vida.

Felizmente, hoje em dia já não sofro mais dessa dúvida crônica e não apenas porque as locadoras sumiram do mapa. Essa tal da internet veio mesmo pra ficar e facilitou a minha vida na hora criar meu próprio acervo de filmes, documentários, séries, etc. Basta um youtube aqui, um vimeo ali, um blog acolá e pimba!, só falta fazer a pipoca. A verdade é que existem muitos filmes excelentes – e fora do circuito tradicional – disponíveis online. Se não for do seu agrado ou não bater com o seu humor no dia, alguns cliques já te jogam para outra opção mais apropriada. E pronto, lá se foi a agonia de estar em frente a uma prateleira abarrotada de DVDs e longe do seu sofá.

A essa altura já deu pra perceber que eu sou uma rata de internet, sempre em busca de referências, dicas, histórias… Se alguém (que eu confie no bom gosto, claro) posta ou comenta sobre algum documentário bacana eu sou a primeira a ir catá-lo na web, ainda mais se tiver a ver com algum lugar pra onde eu tenha viajado recentemente ou pretenda visitar em breve. Assim eu fiz um acervo bem legal de filmes e docs que eu gostaria de dividir aos poucos com vocês, pra que ninguém mais sofra da dúvida cruel que me acometia nos tempos das locadoras quando for escolher o programa do domingo à noite.

Assim começa a sessão “Filme da semana” aqui no blog!

E o primeiro da lista é: Burma VJ (2008)

Assistimos a esse documentário antes da nossa primeira viagem a Yangon, em 2013. Sempre procuramos estudar sobre a história e a cultura dos lugares que estamos indo visitar e com o Myanmar não foi diferente. O filme nos ensinou muito sobre o país que passou tanto tempo recluso para o resto do mundo. Ele narra as manifestações lideradas pelos monges contra o governo, em 2007, através de vídeos e informações captadas ilegalmente por corajosos jornalistas e cinegrafistas.

Vou parar por aqui para não contar demais. Mas podem confiar que a dica é boa. Não só como filme, mas como destino da sua próxima viagem…

** E como sempre, se você tiver algum outro filme que te inspirou a cair na estrada e conhecer um lugar novo, conta pra gente!

#burma #myanmar #yangon #documentário #filme

© 2013 by A Culpa é do Fuso Proudly created with Wix.com